Resenha Arábia Rafael Coelho Raiam Santos

setembro 22, 2017

Olá pessoal, tudo bem? A resenha de hoje é sobre um livro totalmente diferente do já li até agora, uma narrativa curiosa de um experiência vivida pelo próprio autor, espero que gostem!

"Arábia" apresenta um temática diferenciada com conteúdo instrutivo sobre uma cultura e lugar diferente do Brasil e acredito ser muito, mais muito valido a leitura da obra, o autor nos mostra como é viver em um país em que muitos jamais colocaria os pés por puro preconceito ou medo, uma das características mais interessantes do livro é a maneira divertida que ele foi escrito tratando de assuntos sérios mais de forma mais suave foi o que mais gostei.


Rafael recebeu uma proposta de estudo através de um panfleto, um amigo lhe mostrou uma oportunidade de fazer um mestrado, o que era uma ideia bacana até ele descobrir que seria na Arábia Saudita e pior a faculdade ainda nem existia, claro que a principio isso parecia uma enorme loucura e ninguém toparia, ele então recebeu um convite pra ir ao México saber mais sobre o assunto, lá teria tudo pago e ainda poderia curtir a viagem, então pensou porque não ir, afinal é apenas pra conhecer.

Quando conheceu a proposta da "Kaust" ficou meio surpreso, em uma das apresentações da faculdade eles anunciaram quem tinha passado no processo pra ser um de seus alunos, e adivinhem quem entrou? Pois é nosso protagonista foi para Arábia Saudita fazer seu mestrado e passou por muitas aventuras e situações curiosas, lá ele conheceu a cultura, os princípios, as leis, as punições e os macetes para se viver em uma país com regime rígido, porém que oferece muito mais que nossos olhos preconceituosos podem enxergar, a Arábia é diferente mais também é muito rica de diversas formas e nem tudo se resume a ataque e terrorismo como vemos por ai, o pais é receptivo em muitos aspectos porém possui algumas regras e leis diferentes das nossas que vamos combinar são tão inúteis que nos fazem sentir desprotegidos o tempo todo.

Abdullah era o rei responsável pela construção e desenvolvimento da Kaust, e de toda a Arábia Saudita, ele era um líder importante que visava o desenvolvimento do país e queria expandir principalmente em questão de tecnologia e avanço, sua intenção era diminuir a dependência do petróleo e ao meu ver o cara era inteligente, podíamos ter lideres espertos assim aqui no Brasil. Foi assim que nasceu a King Abdullah University of Science and Technology ( KAUST).



Fiquei encantada com a oportunidade que Rafael recebeu, confesso que teria medo, assim como ele teve, pois não existe só coisas boas nessa história, mesmo sendo diferente do que imaginava a Arábia tem seus riscos e você deve estar atento a eles se quiser se dar bem por lá, a escrita e detalhes de lugares visitados por ele foi impecável, conseguia imaginar muitas da cenas descritas na leitura e fiquei curiosa em conhecer esses lugares, adorei conhecer um pouco mais sobre o país. Espero que tenham gostado, um grande beijo e até a próxima!

Nacional | 188 Páginas | Skoob | Compare & Compre: Submarino • Saraiva •Amazon| Classificação: 4/5

Voce Também Pode Gostar

0 comentários