Resenha A Importância Do Ato De Ler

maio 07, 2017

Olá pessoal, nessa pequena resenha trago a vocês minha primeira leitura acadêmica se assim posso dizer, realizei a leitura deste pequeno livro como indicação dos professores, ainda não fiz um post sobre isso mais comecei minha graduação em letras e existem algumas leituras a serem realizadas ao longo do curso, então vamos conferir!


Sinopse:Em sociedade que exclui dois terços de sua população e que impõe ainda profundas injustiças à grande parte do terço para o qual funciona, é urgente que a questão da leitura e da escrita seja vista enfaticamente sob o ângulo da luta política a que a compreensão científica do problema traz sua colaboração. É um absurdo que estejamos chegando ao fim do século, fim de milênio, ostentando os índices de analfabetismo, os índices dos que e das que, mal alfabetizadas, estão igualmente proibidos de ler e de escrever, o número alarmante de crianças interditadas de ter escolarização e que com isso tudo convivamos quase como se estivéssemos anestesiados.

Na leitura realizada podemos identificar questões importantes abordadas pelo autor como a releitura da visão de mundo de cada ser humano, antes da leitura de qualquer outra coisa, essa releitura envolve analisar fatores da infância, da juventude e até mesmo da fase adulta, que determina a maneira como iremos interpretar nossas próximas leituras.

O ator nos mostra que a leitura do mundo é fundamental para compreensão da importância ato de ler, de escrever ou reescrever essa visão através de uma prática consciente. O ato de ler implica na maneira como se interpreta algo, na interpretação critica do que se está lendo, Paulo Freire fala ainda através desse pequeno livro sobre a alfabetização de adultos e de bibliotecas populares, para ele falar sobre esses assuntos determinados é entre muitas outras coisas rever o problema de leitura e escrita, e tomar partido da situação em si. Ele menciona que devemos tornar a prática da educação em algo crítico em oposição ao que é comum.

“Do ponto de vista crítico é tão impossível negar a natureza política do processo educativo quanto negar o caráter educativo do ato político.”

Devemos entender que como educadores precisamos ser coerentes, para que possamos de forma correta transferir nossos conhecimentos ao próximo, Só educadoras e educadores autoritários negam a solidariedade entre o ato de educar e o ato de ser educado pelos educandos. É na intimidade das consciências, movida pela bondade dos corações, que o mundo se refaz, e, já que a educação modela as almas e recriam corações ela é a alavanca das mudanças sociais.

A realização da leitura dessa obra de Freire nos faz entender que a educação está diretamente ligada ao ato político e devemos desenvolver junto aos educandos uma leitura crítica, temos que realizar esse processo juntos, pois se não estamos exercendo uma função autoritária perante o aluno, a construção da sociedade se faz em conjunto, não podemos apenas entender que sabemos tudo quando na verdade ainda temos muito a aprender, quanto mais unidos formos nessa leitura e releitura de mundo mais fácil vamos enfrentar as dificuldades que cruzarem nosso caminho como o econômico, o social e o cultural e então só ai teremos sucesso


Educacional | 60 Páginas | Skoob | Compare & Compre: Submarino • Saraiva •Amazon| Classificação: 4

Você também pode gostar

30 comentário

  1. Ola
    por ser uma leitura acadêmica e pela parte educacional, acredito que tenha um publico alvo especifico, ao qual não é o meu caso. Mas gostei de ler suas considerações a respeito e sobre a importância repassada diante da temática explorada. É uma ótima indicação para a area, sem dúvida..
    Beijos, F

    ResponderExcluir
  2. Uau! Que massa! Amei ver essa resenha por aqui. Sou da área da educação, e mesmo se não fosse, ainda sim compreenderia a importância de se ler um livro como esse. Quando ele diz:" É na intimidade das consciências, movida pela bondade dos corações, que o mundo se refaz, e, já que a educação modela as almas e recriam corações ela é a alavanca das mudanças sociais." Ele está falando com todos e não só com professores. A importância de se ter criticidade sobre tudo o que se lê ou se escreve é imprescindível à qualquer pessoa e principalmente nós blogueiros.
    Amei muita coisa sua postagem. Parabéns pela qualidade!

    Eliziane Dias

    ResponderExcluir
  3. Olá!

    Eu achei a proposta da sua resenha muito interessante e original, já que geralmente resenhamos sempre ficção ou biografias. É bom para vermos que leitura "obrigatória" só tem o intuito de agregar e nunca é uma perda de tempo. Gostei da forma que o livro aborda o aprender e ensinar como um todo, acredito muito que enquanto passamos conhecimento estamos recebendo de volta varias outras lições.

    Sucesso com o blog e com a faculdade!!

    ResponderExcluir
  4. Olá!

    Me interessei muito pela dica, principalmente porque ano que vem irei cursar Letras (inha grande paixão). Até acredito que em algum momento essa leitura será recomendada pelos professores, então é muito bom já saber um pouco sobre ela. Vejo que o autor explora muito bem o tema, pelos seus comentários. Obrigada pela dica!

    Ingrid Cristina
    Plataforma 9 3/4

    ResponderExcluir
  5. Olá!! :)

    Eu confesso que nunca tinha ouvido falar deste livro mas a sua mensagem e transversal mesmo que abordada de outra forma!

    Bem, mais do que a vertente politica explicada no livro, acho que a leitura e importante para cada um, para o que ele sente e vive! :P

    Boas leituras!! ;)
    no-conforto-dos-livros.webnode.com

    ResponderExcluir
  6. Olá!
    Concordo plenamente com o tema abordado neste livro.Os educadores devem realmente tentar incentivar os alunos a ler e fazer a interpretação dos mesmos. Mas os pais também tem um grande papel nesse incentivo. Desde crianças devem ser incentivados. Isso é mais do que certo, para que cresçam e saibam interpretar com coerência.
    Por ser uma leitura acadêmica, acredito que não seja pra mim, por mais que seja interessante.
    Mas foi uma ótima indicação.

    ResponderExcluir
  7. Sinto um arrepio só de ler o nome Paulo Freire! Hahahaha
    Apesar de enxergar pertinência da obra, não leria por ser contra 99% da visão política desse senhor. E pelo que pude perceber a política está presente na obra, então passo a dica.

    Beijos

    ResponderExcluir
  8. Olá,
    Por ser algo mais especifico para área de educação, talvez esse livro não agrade a todos. Tenho duas primas na área então elas já devem ter lido esse livro, vou perguntar.
    Nunca li nada de Freire e esse tem até um tema que me interessa muito. A importância da leitura é indiscutível, mas também é preciso saber ler. Tem muita gente alfabetizada que mesmo assim não sabe ler, ir ao fundo do que se está escrito e interpretar aquilo.
    Infelizmente nossa construção social colabora muito para isso.

    Bjs,
    Garotas de Papel

    ResponderExcluir
  9. Nunca ouvi falar no livro, mas definitivamente não fiquei curiosa pra ler, pois não é um gênero e assunto que me interessem, mas que bom saber que há muitos ensinamentos nesse livro para os educadores.
    Acho que mesmo que algum dia eu queira ler algo fora da zona de conforto, não lerei esse, porque mesmo tendo poucas páginas, não fiquei interessada, mas obrigada pela dica!

    Virando Amor

    ResponderExcluir
  10. Oie! Tudo bem?

    Fico feliz de ver que você está conseguindo unir sua vida acadêmica com o blog, principalmente em parte das leituras, achei a dica muito válida para o pessoal certo, para mim como não é o que busco não traria tantos ensinamentos como trouxe para você!

    BJss

    ResponderExcluir
  11. Oi, essa é a primeira vez que vejo uma resenha de livro acadêmico em blogs.
    Eu também faço letras e sei bem sobre leituras obrigatórias hahaha. Pelo visto, essa agregou muito e foi bastante interessante.
    Concordo com os pontos que você citou, nossa visão de mundo super influencia na leitura, ao passo que também devemos ser leitores críticos.

    ResponderExcluir
  12. Oieee! Ao contrário do que possa parecer,Freire não é só indicado para profissionais da área da edução. Eu particularmente li e me identifiquei bastante pois embora minha área de atuação seja outra, minha especialização foi na área de gestão educacional e acho importantíssimo esse tipo de leitura. De alguma forma, algum dia, vai ser útil pois além de educador e pedagogo, ele foi um filósofo e PERNAMBUCANO (orgulho!). Torço para que as pessoas conheçam pelo menos um "tiquinho" da sua obra pois como ele mesmo dizia "Não há vida sem correção, sem retificação". Bjossss

    www.porredelivros.com

    ResponderExcluir
  13. Olá!
    Eu amei a sua resenha. Livros acadêmicos são sempre ótimos de ler. Pelo menos eu gosto. E o tema desse, por mais que não seja na minha área de atuação, é fascinante, eu iria adorar ler. Eu sou formada em Marketing e ao logo da minha trajetória acadêmica, eu li muitos livros assim e que hoje eu sou muito fã. Eu acredito que a leitura desse livro que você resenhou, seria interessante para qualquer área de atuação. Eu vou anotar sua dica e quem sabe fazer a leitura.
    Beijos,
    Nay
    Traveling Between Pages

    ResponderExcluir
  14. Oiiii,

    Dica interessante, nunca tinha ouvido falar da obra, mas do autor sim. Acho um tema muito interessante e de uma importância imensa mesmo, porque ler é a base de tudo, é o que melhora tudo no que diz respeito a língua. Achei bem legal mesmo e vou ler quando tiver uma oportunidade para entender bem o posicionamento do autor.

    Beijinhos...
    http://www.paraisoliterario.com/

    ResponderExcluir
  15. Oii, tudo bem?
    Não conhecia o livro, mas achei muito interessante. A leitura é uma coisa muito importante hoje em dia, lemos quando pegamos um jornal, quando estamos na internet e por aí vai, então, acho que essa é uma obra bem importante (ainda mais pra professores passarem para alunos, muitos não entendem a importância da leitura).
    Achei bem bacana a ideia mesmo.

    ResponderExcluir
  16. Olá!
    Achei o máximo você trazer a resenha de um livro acadêmico pra gente, é o tipo de leitura super válida mesmo para quem não está na faculdade, mas se interessa pelo tema, e é claro que eu fiquei muito interessada no tema hahahah desenvolver uma leitura crítica é muito importante e isso não significa deixar de se divertir lendo. Adorei o post!
    Beijos,

    Luana

    ResponderExcluir
  17. Oi!
    Ainda não conhecia esse livro, mas fiquei bastante interessada em sua temática, mesmo que ao meu ver ele tenha uma vertente mais acadêmica.
    Acho o ato de ler de suma importância pra nossa sociedade, e mesmo que hoje em dia isso esteja se tornando mais frequente ainda temos um grande caminho a percorrer.

    ResponderExcluir
  18. Olá, tudo bom?
    Minha mãe é educadora então acaba sempre falando de Paulo Freire. Acho que por ser uma obra com um publico alvo específico no qual não me encaixo, acabaria não lendo mas achei super interessantes as considerações feitas pelo autor no sentido da postura que o educador deve tomar para de fato sê-lo da melhor maneira.
    Ótima resenha

    Beijos

    ResponderExcluir
  19. Extraordinário. Com certeza vou ler esse livro. É impressionante o quanto o hábito da leitura tem vantagens indiretas na vida das pessoas. Você percebe pela fala e pela astúcia as pessoas que lêem com frequência. Quem dirá o senso crítico. Paulo Freire é um mestre da educação. Já anotei aqui, grata pela dica.

    ResponderExcluir
  20. Quando li o titulo do post, achei que era uma reflexão sua sobre a leitura. Que interessante o livro e tenho certeza que vou amar ler. Valeu pela dica.
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
  21. Olá, tudo bom?

    Confesso que não conhecia o livro, mas achei bem interessante você trazer resenhas de livros acadêmicos para o blog, pode ajudar muito estudante. Agora sobre o livro, achei a proposta dele muito boa, fiquei interessada em ler.

    Beijos:*

    ResponderExcluir
  22. Paulo Freire é muito citado nos corredores de Letras mesmo ahah... Nós discutimos (também faço letras Português) um texto dele é foi super legal. Acho maravilhoso o que ele fala sobre ler, pois muitos ainda pensam que enxergam o ato de ler como apenas um "ato decodificador" da palavra, quando sabemos (pelo menos nós enquanto estudante de letras devemos saber) que ler vai mais além. Dica super anotada!! Beijos!
    Ps: Já vou ler antes dos professores mandarem! rsrsr

    ResponderExcluir
  23. Oie!
    Confesso que ainda não tinha lido nada do Paulo Freire, mas fiquei curiosa para conferir. Com certeza, é um texto para reflexão, e anotei aqui para ler, pois trouxe algo que aina tinha parado para pensar.
    Uma ótima dica!
    Bjks!
    Histórias sem Fim

    ResponderExcluir
  24. Oláa, tudo bem? Gostei muito da resenha! Eu faço biblioteconomia, e a importância da leitura recreativa e da leitura crítica são assuntos recorrentes nas aulas. Já ouvi falar desse livro, mas essa é a primeira resenha que leio sobre ele, e já anotei a dica. Com certeza quero ler :)
    Beijos!

    http://umaleitoravoraz.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  25. Oi, tudo bem?
    Eu ainda não conhecia esse livro e não sou o público alvo dele, sabe? Mas gostei bastante de ler as suas considerações e acho que todos os educadores deviam ler essa obra, pois embora curta parece trazer muita coisa bacana para se pensar e aprender.

    Beijos :*

    ResponderExcluir
  26. Olá, tudo bem?
    Acho super válida a discussão que o autor traz. O hábito de leitura é importantíssimo mesmo e precisa ser incentivado. E, mais do que ler, é fazer a leitura criticamente.
    Infelizmente, ainda falta muito investimento nessa área e estímulo para que as pessoas comecem a ler. Mas é bom ver reflexões como essa que o autor fez.
    Achei bem legal você trazer essa dica. Apesar de ser uma leitura acadêmica, acho válida até para quem não é estudante de letras.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  27. Olá,
    Desconhecia a obra e achei bem interessante. Sou formada em Licenciatura em Química e tive matérias pedagógicas que tratavam sobre o assunto. O ato de ensinar deve ser muito bem pensado e desenvolvido levando em consideração diversos fatores que variam de aprendiz para aprendiz, afinal eles levam toda a sua bagagem de vivência para dentro da sala de aula e precisamos achar uma forma de chamar a atenção deles e ainda conseguir transmitir o conteúdo de forma clara e com incentivo ao aprendizado crítico. Não é uma tarefa nada fácil, ainda mais para uma disciplina tão abstrata quanto a química.

    LEITURA DESCONTROLADA

    ResponderExcluir
  28. Uma leitura bem Cult hein? Não leria, mas a temática dele é bem legal pra quem atua na área de educação.
    www.belapsicose.com

    ResponderExcluir
  29. Olá!
    Não gosto muito de leituras nesse estilo, mas aprecio quem curte e quem consegue aprender com essas obras. Acho que todos nós precisamos aprender a passar nosso conhecimento para outro, pois temos muito a ensinar.
    Beijos

    ResponderExcluir
  30. Olá,

    Meu maior medo quando for fazer faculdade, ler coisas que não quero/gosto para o curso, até hoje não li um único livro indicado por professor que eu tenha gostado :/ Enfim, que bom que gostou da leitura e sucesso no curso.

    ResponderExcluir